www.rjscie.com

Segurança Contra Incêndios em Edifícios
 
PortalPortal  InícioInício  FAQFAQ  BuscarBuscar  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-se  

Compartilhe | 
 

 Carga de incêndio AR LIVRE/INSERIDO EM EDIFICIO

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
jpgs



Mensagens : 24
Pontos : 46
Reputação : 0
Data de inscrição : 11/01/2010

MensagemAssunto: Carga de incêndio AR LIVRE/INSERIDO EM EDIFICIO   Seg Dez 13, 2010 4:02 pm

Boa tarde,

Quando calculamos a carga de incêndio de uma indústria que tem uma zona de armazenagem ao ar livre, o que fazemos se obtivermos uma carga de incêndio para a parte interior inserida dentro do edificio um qs de +/- 4000 MJ/m2 e para a parte exterior um qs de +/-17000 MJ/m2?? A primeira parte classifica o edificio na 2º categoria de risco mas a segunda (ao ar livre) classifica-o na 3º categoria de risco...Fica da 3º categoria de risco? situação mais gravosa? Como é que se faz nestas situações somam-se os dois qs obtidos de acordo com a formula do artº 4 ??

Alguém me pode ajudar??

Cumprimentos
JP
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
tuga

avatar

Mensagens : 9
Pontos : 11
Reputação : 0
Data de inscrição : 13/12/2010

MensagemAssunto: Re: Carga de incêndio AR LIVRE/INSERIDO EM EDIFICIO   Ter Dez 14, 2010 10:28 am

Bom dia

A UTXII prevê a definição de "RECINTO" e é exactamente o que apresenta no seu caso. indústria o cálculo é efectuado para edifícios.

«Recintos», espaços delimitados ao ar livre destinados a diversos usos, desde os estacionamentos, aos estabelecimentos que recebem público, aos industriais,
oficinas e armazéns, podendo dispor de construções de carácter permanente, temporário ou itinerante;

o cálculo é efectuado para cada compartimento corta fogo do edifício e depois obtêm-se a carga de incêndio do edifício.

pela formula do ponto 4º do despacho 2074/2009 que diz:

Densidade de carga de incêndio modificada da totalidade da utilização -tipo
A densidade de carga de incêndio modificada (q), em MJ/m2, da totalidade dos compartimentos corta -fogo das utilizações tipo XI e XII é calculada de acordo com a seguinte fórmula: (ver formula do despacho).

pela resultado dessa fórmula obtem o valor da Densidade de carga de incêndio modificada da totalidade da utilização-tipo.

atenção se for só armazenagem:

Nas utilizações-tipo XII, destinadas exclusivamente a armazéns, os limites máximos da carga de incêndio modificada devem ser 10 vezes superiores aos indicados do quadro X do DL 220/2008.

espero ter ajudado
cump
JA
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
jpgs



Mensagens : 24
Pontos : 46
Reputação : 0
Data de inscrição : 11/01/2010

MensagemAssunto: Re: Carga de incêndio AR LIVRE/INSERIDO EM EDIFICIO   Ter Dez 14, 2010 12:58 pm

Bom dia,

Obrigado pela resposta, mas o que eu queria mesmo saber e talvez não me tenha explicado bem é se para saber a carga de incendio total da industria (edifiio e recinto exterior) utilizo a formula do artº 4 utilizando os valores 4000MJ/m2 e 17000 MJ/m2 ou se estes valores não se somam e classifico a industria na 3º categoria de risco pelo facto de no quadro X (categorias de risco) os 4000MJ/m2 do edificio se inserirem na 2º categoria e os 17000MJ/m2 do recinto se inserirem na 3º categoria.

Ou seja depois de obtidos esses valores qs do edificio e do recinto classificam -se de modo independente ou junto-os???

Não sei se me estou a fazer entender...

Já agora sabe-me me dizer como é que calculo a carga de incêndio de dois silos que armazenam combustiveis solidos e que se encontram no recinto encostados ao edificio? O valor S (area util do compartimento corta fogo ) é a area que os silos ocupam ou a area total exterior pavimentada onde eles estão implantados?

Cumprimentos
JP
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
tuga

avatar

Mensagens : 9
Pontos : 11
Reputação : 0
Data de inscrição : 13/12/2010

MensagemAssunto: Re: Carga de incêndio AR LIVRE/INSERIDO EM EDIFICIO   Ter Dez 14, 2010 2:38 pm

sim é usada a formula do artº 4. porque é uma proporção da carga tendo em conta a área.

o que o regulamento considera quando têm recintos são os seguintes passos:

1 - achar a Densidade de carga de incêndio modificada de cada CCF
2 - achar a Densidade de carga de incêndio modificada de cada EDIFICIO (neste caso é o edifício e recinto exterior)
3 - achar a Densidade de carga de incêndio modificada da UT (art 4º)


para os silos é considerar a área útil do silo como a área útil do compartimento corta fogo pode considerar a área da projecção vertical do silo no pavimento.

atenção aos silos porque essencialmente o risco dos silos é mais um risco ATEX (explosivo) que risco de incêndio.

cumps
JA
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
jpgs



Mensagens : 24
Pontos : 46
Reputação : 0
Data de inscrição : 11/01/2010

MensagemAssunto: Re: Carga de incêndio AR LIVRE/INSERIDO EM EDIFICIO   Ter Dez 14, 2010 3:29 pm

Muito obrigado! Very Happy

Então quando temos uma parte da UT inserida em edificio e outra parte ao ar livre, depois de calcular todas as densidades dos compartimentos corta fogo (cobertos e não cobertos) utilizamos a formula do artº 4 para calcular a densidade da totalidade da UT. Depois no quadro X temos em consideração a parte que diz integrada em edificio apesar da UT ter uma parte ao ar livre? Estou certa?

Relativamente aos silos acha que não os deva incluir no calcula da densidade de carga da UT??

Mais uma vez obrigada pela ajuda!!

Cumprimentos
JP
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
tuga

avatar

Mensagens : 9
Pontos : 11
Reputação : 0
Data de inscrição : 13/12/2010

MensagemAssunto: Re: Carga de incêndio AR LIVRE/INSERIDO EM EDIFICIO   Ter Dez 14, 2010 5:14 pm

Então quando temos uma parte da UT inserida em edificio e outra parte ao ar livre, depois de calcular todas as densidades dos compartimentos corta fogo (cobertos e não cobertos) utilizamos a formula do artº 4 para calcular a densidade da totalidade da UT. Depois no quadro X temos em consideração a parte que diz integrada em edificio apesar da UT ter uma parte ao ar livre? Estou certa?

Sim

Relativamente aos silos acha que não os deva incluir no calcula da densidade de carga da UT??

Sim claro, e ainda por cima estão encostados ao edifício, ou seja na eventualidade de um sinistro em um silo se não houver resistência ao fogo entre o silo e o edifício pode haver propagação na horizontal, nomeadamente por radiação.

As UTXII são actividades muito especificas e tendo em conta a actividade em causa, sugeria depois submeter o plano ou projecto à ANPC de modo a eles também darem o aval às suas opções / soluções técnicas.

temos de ser uns para os outros,

cumps
JA
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Carga de incêndio AR LIVRE/INSERIDO EM EDIFICIO   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Carga de incêndio AR LIVRE/INSERIDO EM EDIFICIO
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Eu sou livre! Estudo Bíblico sobre: "Eu sou livre!"
» CARGA HORARIA PIZZAIOLO
» Roubo de carga na ALL
» LOJAS ONDE SE PODE COMPRAR PÓS E ÓLEOS INDIANOS
» Somos presos do Senhor Jesus Cristo através do Evangelho, seremos livre na sua segunda Vinda a Buscar os remidos nesta terra.

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
www.rjscie.com :: Fichas, Projectos e Planos :: Projectos de Segurança Contra Incêndios-
Ir para: